Torcicolo Muscular Congênito: Como tratar de modo fisioterápico?

O torcicolo muscular congênito (TMC) é uma deformidade musculoesquelética do pescoço observada na infância e caracterizada pelo encurtamento do músculo esternocleido- mastóideo (ECM)1,2. Literalmente significa “pescoço torcido”

Está bem estabelecido que, quanto antes for iniciado o tratamento fisioterapêutico, melhores serão os resultados e menor o período de tratamento.


A duração do tratamento depende da classificação da gravidade do TMC: as formas mais moderadas necessitarão de 2 a 3 meses, ao passo que as mais graves exigirão 5 a 6 meses. Crianças que recebem tratamento cirúrgico necessitarão de 4 a 6 meses adicionais.


De acordo com as diretrizes para tratamento do TMC13,31, a intervenção fisioterapêutica deverá englobar cinco objetivos:

• Aumentar a ADM cervical.

• Conseguir ADM ativa completa da cervical e do tronco.

• Conseguir realizar os marcos motores na idade esperada com orientação na linha média e simetria.

• Adequar o ambiente.

• Capacitar a família quanto ao manejo da criança.


Figura de alongamento realizado com uma pessoa apenas. O alongamento está sendo realizado para alongar os rotado- res da cervical.

Para mais conteúdos sobre Fisioterapia Pediátrica encomende Fisioterapia em Pediatria - Da Evidência à Prática Clínica.


*Conteúdo retirado o Livro Fisioterapia em Pediatria - Da Evidência à Prática Clínica, capítulo 11; Torcicolo Muscular Congênito.


#dicasDrMedbook #Medbook #Fisioterapia

7 visualizações

Medbook Editora

Avenida 13 de Maio, 41

Salas 803 e 804
Centro - Rio de Janeiro - RJ
20031-007

  • Branca Ícone Instagram

Seja o primeiro a saber

Inscreva-se na Newsletter

© 2020 Medbook Editora - CNPJ: 07.914.327/0001-18